04
Thu, Mar

Typography

A província dos Paulinos no Brasil acolheu com alegria, em uma celebração simples e tocante, na noite do dia 11 de dezembro a profissão perpétua de três de seus membros: Deivid Rodrigo, Francisco Galvão e Mario Roberto. A missa foi presidida pelo superior provincial, padre Claudiano, que enfatizou em sua homilia a necessidade de o religioso estar unido a Cristo para que não se torne um "galho seco".

Amigos e familiares dos professandos se fizeram presentes na celebração, bem como membros da Família Paulina. A esses nossos irmãos, a nossa prece e desejo de perseverança e fidelidade.

No dia seguinte, na festa litúrgica de Nossa Senhora de Guadalupe, na Catedral Metropolitana de São Paulo, os neo-professos perpétuos foram ordenados diáconos pela imposição das mãos de dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo metropolitano de São Paulo. Foram ordenados também alguns seminaristas diocesanos e frades agostinianos, fazendo daquele momento uma experiência de profunda comunhão com a Igreja presente em São Paulo.

Na sua homilia, o cardeal chamou a atenção sobretudo para o sentido do serviço da caridade por parte dos diáconos, bem como dos que receberam o segundo e o terceiro grau da ordem (padres e bispos). Confiemos o ministério diaconal desses nossos irmãos à proteção de nossa mãe, a Rainha dos apóstolos e de nosso pai, São Paulo.



Vídeo da profissão perpétua:


Vídeo da Missa da ordenação diaconal: